01 Gamedev

Bem, todos sabemos que muitos games exploram a “Jornada do Herói” como parâmetro na construção de uma história interativa. Mas como seria a “Jornada do Gamedev”? Espero poder explicar nesta série de posts.

O plano

Depois de 15 anos trabalhando como designer gráfico, me dei por conta que entrei no ramo criativo por três motivos: Disney, Steven Spielberg e videogames. Exatamente nesta ordem.

Obviamente também fui influenciado por outras coisas da literatura, música e locais em que passei. Mas essencialmente, foram os três acima citados que me fizeram buscar a indústria criativa como forma de sustento.

Nos últimos cinco anos tenho sofrido de uma febre nostálgica que insiste em ficar no corpo. E essa febre me trouxe ao mundo do retrogaming com os dois pés firmes. Comecei a colecionar videogames antigos e abri este site pra falar sobre.

Uma coisa leva à outra e resolvi desenvolver meu primeiro jogo.

Onde a mágica acontece. O escritório.

Já adianto que não tenho experiência em desenvolvimento de games e quase nada de programação. Mas me considero um ótimo designer e um bom ilustrador. Estou estudando pra melhorar nestas áreas também.

Assim como a maioria do mundo, sofro da “Síndrome de Começar e não terminar Projetos”. Provavelmente muitos se identificarão com a minha condição.

Mas gostaria muito de contar com a sua presença acompanhando esta jornada. Pretendo fazer a maior parte do jogo sozinho. Se eu pudesse, faria tudo sozinho. Devo isso a mim, mas sei que precisarei em algum momento de algum especialista.

O que eu já tenho até o momento

Já pensei em como pretendo fazer o jogo. Será um RPG ocidental com um pouco do estilo oriental.

A diferença é que pretendo focar bastante na narrativa. Quero envolver ao máximo o jogador na história. A identificação do jogador com os personagens será fundamental pro bom funcionamento da história.

Quero também fazer boas trilhas. Arranho um pouco em alguns instrumentos e tive uma banda de grunge no início dos anos 2000 que durou aproximadamente dez anos. Foram bons tempos de vinho barato, casas de show pequenas e muito som pesado.

Como ilustrador e designer que sou, comecei criando algumas ideias na parte visual. Abaixo o que já fiz, mas que provavelmente não será nem perto disso o resultado final.

About The Author

Amo videogames, natureza, animais e comida.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *